Idealize Ideias
Idealize v0.16.3 (2017-06-20)

Criação do Indicador Todos Pela Vida

Publicada em 22/02/2017 com 36 pontos, Prata I

Apresentação

Sabemos que o maior sumidouro de recursos públicos é o sistema penitenciário (3mil por preso) e que o cárcere não recupera ninguém. Cada vez a quantidade de espaço nas prisões é menor e a quantidade de pessoas prezas é muito maior. Independente das ações progressistas para resolver o problema a curto prazo. O importante é coordenar o trabalho no âmbito do programa todos pela vida.

Proposta

Sabendo que o DEPEN levantou alguns dados como:

A distribuição dos condenados por grau de instrução, considerando o universo de 417.112 presos nas penitenciárias. A maioria apresenta um baixo grau de escolaridade, não chegando ao ensino médio. O maior grupo, com 178.562 presos, tem o ensino fundamental incompleto, enquanto 49.523 são apenas alfabetizados e 26.092 são analfabetos. Somados aos 67.384 presos com ensino fundamental completo, representam 77% dos encarcerados nas penitenciárias.  Os presos com ensino médio completo são 31.022, mas há 44.107 que não terminaram o 2º grau. No Amazonas, aproximadamente, dois entre cada três presos são jovens.

A idade quando da prática do 1º delito, 25% tinham entre nove e 15 anos, 44% entre 16 e 21 anos, 20% entre 22 aos 25 anos, 6% dos 26 aos 30 anos, 3% acima de 30 anos e 2% acima de 40 anos. Demonstra uma concentração muito grande 89% entre os nove e 25 anos de idade, uma faixa etária muito jovem, onde o cidadão participa da escola de forma ativa e já cometendo crimes. A justificativa que deram para os crimes 15% alegaram Desemprego, 18% por Dificuldades Financeiras, 15% relacionados às Drogas, 8% por andarem com más companhias, e outros 44% alegaram outros motivos tais como irresponsabilidade, bobeira, legítima defesa, inexperiência dentre outros.

Utilizar esse levantamento e outros inputs para traçar um perfil de pessoas que precisam de mais atenção do Estado começando pela escola. Tendo um perfil semelhante ao identificado pela SEAP/Reintegraçao Social/DEPEN/MJ, o professor visualizaria no diário digital o indicador todos pela vida e iniciaria ações junto a Secretaria de Assistência Social para acompanhar e dar oportunidades para o cidadão, envolvendo ele em outras atividades  evitando a superlotação dos presídios e centros de atenção aos menores infratores no futuro.

add Nova ideia!
Idealize v0.16.3 (2017-06-20)